quarta-feira, 6 de janeiro de 2021

Ex-Secretária de Saúde, Genilza Pereira, esclarece fatos sobre o Hospital de Angicos



Na noite desta segunda-feira (04/01), a ex-secretária de saúde, Genilza Pereira, realizou alguns esclarecimentos na sua rede social sobre  a matéria veiculada no Blog de Carlos Costa... eis a íntegra:


Esclarecimentos: Circula no Blog do Carlos Costa, fotos e um vídeo de um arquivo morto localizado no Hospital Municipal de Angicos, bem como, de móveis velhos, tombados, que eram do tempo que o Hospital era Regional. Ocorre que este arquivo era composto por registros documentais do Hospital que não nos competia jogar fora, seria um crime fazer isso, já havia sido feito um contato com o Estado para virem buscar tais documentos, bem como, os móveis que eram tombados e uma ambulância que encontra-se no muro do Hospital e que não tem mais utilidade e que também não poderíamos descartar, ademais, o prédio não pertence ao município, apenas os serviços estão cedidos, desta forma não tínhamos permissão para realizar reforma, não tínhamos como mexer na estrutura física. Criamos um arquivo a parte, desde que o Hospital foi municipalizado, que encontra-se devidamente organizado. Seria interessante que ao invés de continuarem realizando canalhices políticas, que a Gestão atual que assumiu o Hospital, mostrasse a Sala de Estabilização devidamente equipada, a licitação de uma ambulância semi UTI que ficou pronta, os insumos (medicações), a estrutura que hoje é digna de se trabalhar, leitos pintados, colchões novos, cadeiras de rodas e de banho novas e por aí vai. Estou fazendo esses esclarecimentos enquanto a pessoa que até a semana passada respondia pela pasta da saúde e tem consciência do trabalho que foi feito e o que foi deixado. Ademais, o conselho que deixo é que parem de utilizar a antiga e defasada tática de ficarem criando fatos inverídicos, querendo encontrarem erros na Gestão passada. Trabalhem!

Fotos enviadas por Genilza Pereira.












←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 Comments:

Postar um comentário